Engenharia 360

ESCOLHA A ENGENHARIA
DO SEU INTERESSE

Digite sua Busca

Engenharia 360

Habilidades dos Engenheiros de Produção que serão essenciais pós pandemia

Engenharia 360
por Jéssica Dias
| 14/05/2020 3 min

Habilidades dos Engenheiros de Produção que serão essenciais pós pandemia

por Jéssica Dias | 14/05/2020
Copiado!

Em momentos de crise como os que estamos vivendo, algumas habilidades se fazem essenciais para recuperação de negócios, algumas delas bastante relacionadas ao estudo das engenharias. Por isso, hoje vamos falar das habilidades dos Engenheiros de Produção que serão essenciais durante e após a pandemia.

canivete com várias ferramentas
Imagem: zendesk.com

A Engenharia de Produção possui como uma de suas características uma abordagem holística a sistemas complexos e, ao mesmo tempo, o cerne desta engenharia é a otimização, ou seja, descobrir como fazer as coisas melhores. Ambos atributos são ainda mais úteis em momentos críticos. Assim, dentre outras, as habilidades abaixo desenvolvidas nesta engenharia serão essenciais durante e após a pandemia:

1. Controle de estoque

Estoque é capital imobilizado. Desta forma, é necessário que a acuracidade do estoque seja a maior possível, afinal a perda de material – seja matéria prima, semiacabados ou produto final – acarreta diretamente na perda de dinheiro, que deve ser sempre minimizada, principalmente numa crise. Os engenheiros de produção devem criar iniciativas de controle de estoque que garantam sua integridade e acuracidade.

2. Análise e previsão de demanda

Apesar de ser impossível fazer uma previsão 100% correta, é imprescindível realizar uma boa análise e procurar um bom modelo de previsão. Por um lado, superestimar a demanda pode gerar elevado nível de estoque; por outro, subestimar a demanda pode levar a empresa a não conseguir atender aos seus pedidos. Numa crise, ambas as situações são arriscadas. Cabe aos engenheiros de produção procurar um modelo que minimize as perdas.

3. Avaliação e utilização de recursos

Com a diminuição das vendas, muitas empresas infelizmente podem não ter capital suficiente para manter todos os seus funcionários ou até mesmo todo seu maquinário funcionando. Dessa maneira, a habilidade de avaliar os recursos da organização de forma a utilizá-los da melhor maneira possível é essencial para mantê-la funcionando.

liderança
Imagem: lucidchart.com

4. Melhoria de processos

Todo processo possui desperdícios em algum nível. Em um cenário de poucos recursos e menor fluxo de dinheiro, a habilidade de mapear e melhorar processos – através da automatização ou eliminação de atividades que não agregam valor, por exemplo – auxilia na redução de custos, que pode ser crucial para a sobrevivência do negócio.

5. Visão sistêmica

Conforme discutido anteriormente, em um cenário economicamente desfavorável para muitas empresas, faz-se ainda mais necessário entender o todo. Dessa maneira, os engenheiros de produção precisam avaliar como o sistema funciona, qual o seu comportamento, quais variáveis o afetam e como os processos se relacionam – para então buscar as melhorias que sejam mais relevantes para a organização.

6. Resolução criativa de problemas

Quando não encontra uma solução, o engenheiro a cria! Neste momento em que estamos vivendo várias restrições é importante que resoluções novas e criativas surjam. Assim, a formação dos engenheiros de produção, que abrange vários temas diferentes, favorece a criatividade, afinal temos muito conhecimento para combinar e inventar coisas novas.

Vamos trocar uma ideia? Quais habilidades você adicionaria na lista? Conta pra gente o que achou deste texto!

Copiado!
Engenharia 360

Jéssica Dias

Engenheira de Produção formada pela UENF com mais de dois anos de experiência em cadeia de suprimentos (supply chain), passando por funções nas áreas de logística, processos e planejamento de materiais. Apaixonada por tecnologia, leitura, ensinar o que sei e ajudar a outras pessoas a serem melhores em suas carreiras.

Comentários