Engenharia 360

A Engenharia Desportiva por trás do design das chuteiras da Copa do Mundo 2022

Engenharia 360
por Redação 360
| 21/07/2022 | Atualizado em 27/01/2023 4 min

A Engenharia Desportiva por trás do design das chuteiras da Copa do Mundo 2022

por Redação 360 | 21/07/2022 | Atualizado em 27/01/2023
Engenharia 360

Antes de tudo, você sabe o que é Engenharia Desportiva? Bem, é o conjunto de disciplinas relacionadas aos esportes, como projeto, desenvolvimento e teste de equipamentos e materiais para prática desportiva, considerando os requisitos dos atletas. Entra nesse quesito o desenvolvimento de projetos de chuteiras, por exemplo. Saiba mais sobre isso no texto a seguir!

O estudo ergonômico por trás da criação das chuteiras

Saber de ergonomia é básico para trabalhar com design de chuteiras. Isso tem a ver com o estudo da relação entre seres humanos e demais elementos envolvidos na relação de suas atividades. E leva o profissional a compreender como aprimorar o produto que está desenhado para oferecer conforto e segurança para os atletas, além de melhorar seu bem-estar e desempenho em campo. Mas, para isso, é preciso muito conhecimento em diversas ciências – interdisciplinaridade.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Depois, é também importante para a inovação desse tipo de produto conhecimento sobre o plástico – ou combinações de plástico. Sim, esse material desempenha um papel muito importante nessa história. Ele forma a base das chuteiras – resistente à água, muito durável e fácil de limpar e cuidar. Hoje em dia, inspiradas em calçados de corrida de ciclismo, com a parte superior em microfibra, é o calçado mais leve que se pode encontrar à venda.

O lançamento da Nike para a Copa do Mundo 2022

Na metade de 2022, muitas marcas começaram a apresentar os artigos esportivos desenvolvido para as equipes usarem na Copa do Mundo – incluindo a bola oficial dos jogos, chamada de Al Rhila. Todos esses itens demonstram bem o nível de inovação tecnológica que a Engenharia Desportiva encontra-se neste momento. A Nike, por exemplo, criou um modelo especial de chuteiras, o ‘Air Zoom Mercurial’.

chuteiras
Imagem reproduzida de Fútbol Emotion

Essa chuteira da Nike é especial; ela é leve e possui uma cápsula de ar de comprimento de ¾ em seu interior. A questão é que, aproximando o pé no chão, os jogadores devem sentir uma maior sensação de agilidade e retorno de propulsão de energia, ou seja, garantindo mais rapidez de movimento em todas as direções. Outro destaque do seu design é o padrão de travas – o Tri-Star.

A saber, são atletas patrocinados estão usando a chuteira ‘Air Zoom Mercurial’: no futebol maculino, Cristiano Ronaldo e Kylian Mbappe; e no futebol feminino, Sam Kerr e Ada Hegerberg.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

chuteiras
Imagem reproduzida de ZonaSuburbana
chuteiras
Imagem reproduzida de Máquina do Esporte

Veja Também: Tecnologias para a Copa do Mundo FIFA de 2022

A evolução da engenharia das chuteiras nas últimas décadas

A engenharia das chuteiras mudou demais desde o começo das competições oficiais desse esporte, isso tanto na questão ergonômica quanto no uso de materiais. No início, elas eram feitas de couro, com cano na altura dos tornozelos e reforço na região do polegar para suportar o impacto da bola e pesavam cerca de 1kg. Mas, com o passar das décadas, os fabricantes começaram a usar fibras sintéticas e polímeros, o cano foi reduzido e muito mais, que fez as chuteiras ficarem mais confortáveis e leves.

Exato! Não se pode nem de perto comparar as chuteiras de hoje com as do início do século passado. Sem dúvidas, houve um salto evolutivo impressionante nos conhecimentos em fisiologia e biomecânica do esporte, aplicados aos treinamentos. E podemos provar tudo isso com base nas imagens a seguir. Confira!

  • (1891) A primeira chuteira: parecendo botas bicudas, feita de couro e com solado liso.
chuteiras
Imagem reproduzida de Manto FC
  • (1954) A de três listras: de couro mais macio (de vaca ou canguru), com travas substituíveis.
chuteiras
Imagem reproduzida de Fitness Depot Ottawa
  • (1970) Puma King: o primeiro modelo personalizado e mais leve.
chuteiras
Imagem reproduzida de archanahospitals
  • (1994) Adidas Predator: com vários tipos de combinações de borrachas.
chuteiras
Imagem reproduzida de CEFIPRA
  • (1998) Nike Mercurial: com design diferenciado, que garantia partidas mais “explosivas” e de alto desempenho.
chuteiras
Imagem reproduzida de Nike News
  • (2006) Puma V1.06: primeira chuteira da história com o cabedal feito com uma microfibra têxtil. E essa versão ainda possuía cadarço assimétrico, e solado com travas longitudinais e placa em fibra de carbono.
chuteiras
Imagem reproduzida de wp.kaoyip.edu.mo

Fontes: Blog Futfanatics, Wikipedia, Blog Maua, Terra, Mais Polímeros, Abril.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Imagens: Todos os Créditos reservados aos respectivos proprietários (sem direitos autorais pretendidos). Caso eventualmente você se considere titular de direitos sobre algumas das imagens em questão, por favor entre em contato com [email protected] para que possa ser atribuído o respectivo crédito ou providenciada a sua remoção, conforme o caso.

Engenharia 360

Redação 360

Somos uma equipe de apaixonados por inovação, com “DNA” na Engenharia. Nosso objetivo é mostrar ao mundo a presença e beleza das engenharias em nossas vidas e toda transformação que podem promover na sociedade.

Comentários

LEIA O PRÓXIMO ARTIGO

Continue lendo