Engenharia 360

Painéis Solares: O que fazer com as placas quando chega o fim da sua vida útil?

Engenharia 360
por Redação 360
| 15/12/2023 3 min
Imagem de PxHere

Painéis Solares: O que fazer com as placas quando chega o fim da sua vida útil?

por Redação 360 | 15/12/2023
Imagem de PxHere
Engenharia 360

Atualmente, a Engenharia de Energia está em alta, impulsionada pela crise e a transição das matrizes energéticas dos países. Por conta das mudanças climáticas e o aumento das tarifas, os brasileiros investiram mais nos painéis solares nos últimos anos. Mas, por certo, o que a maioria não sabe - e nem pensa sobre - é o que se deve fazer com essas placas ao término de sua vida útil. Se você também tem esta dúvida, continue lendo este texto do Engenharia 360!

Ciclo e Desafios da Reciclagem dos Painéis Solares

Painéis Solares
Imagem de PxHere

Antes de tudo, precisamos destacar que a duração média dos painéis solares, usados em instalações de sistemas para geração de energia elétrica, é em média entre 25 a 30 anos. E depois? Lembrando que esses módulos, juntos, compõem uma quantidade crescente de resíduos. Então imagina a quantidade de resíduos descartados, a quantidade de sucata acumulada desde os anos 90, quando o uso dessas placas se iniciou - começando pela Europa.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Só para se ter uma ideia, estima-se que até 2030 sejam gerados cerca de 8 milhões de toneladas de resíduos de painéis solares. Já até 2050, 78 milhões de toneladas. E quanto disso é reciclado? Bom, não temos os números exatos, mas o que podemos lhe dizer é que o mercado é promissor.

Uso de Painéis Solares no Brasil

Falando especialmente do Brasil, a tecnologia fotovoltaica ganhou muito espaço na economia desde 2010. Porém, a questão do descarte é ainda muito deficiente. A boa notícia é que já existem empresas se especializando em reciclagem desses módulos. A saber, aproximadamente 7% dos painéis são descartados antes dos 15 anos de uso. A dificuldade é separar os componentes de forma eficiente.

Os materiais dos painéis, principalmente vidro e alumínio, representam cerca de 90% de sua composição. Contudo, elementos valiosos como prata, cobre, chumbo e polímeros também estão presentes.

Tanto no Brasil quanto em outras partes do mundo, seria preciso criar mais regulamentações rígidas, e até um mercado de vendas próprio para painéis usados reciclados. Isso promoveria mais sustentabilidade no setor.

Painéis Solares
Imagem de PxHere

Veja Também: Como adequar as construções para enfrentar temperaturas extremas pensando nas variações de clima no Brasil?

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Separação dos Materiais para Reciclagem

A separação adequada dos materiais que compõem os painéis solares é crucial para reciclagem. Nesse caso, se fazem necessários processos intensivos, como aquecer os painéis a 500°C para separar o silício dos metais pesados, demandam inovações.

Neste momento, a indústria da Engenharia está se preparando melhor para enfrentar esses desafios urgentes de descarte. E esse passo é essencial para que nós possamos caminhar mais rapidamente para uma geração de energia mais limpa e responsável, com a destinação correta dos produtos, priorizando a preservação do meio ambiente.

Painéis Solares
Imagem de PxHere

Veja Também:

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO


Fontes: UOL, ArchDaily, Ciclo Vivo, Portal Solar.

Imagens: Todos os Créditos reservados aos respectivos proprietários (sem direitos autorais pretendidos). Caso eventualmente você se considere titular de direitos sobre algumas das imagens em questão, por favor entre em contato com [email protected] para que possa ser atribuído o respectivo crédito ou providenciada a sua remoção, conforme o caso.

Comentários

Engenharia 360

Eduardo Mikail

Somos uma equipe de apaixonados por inovação, liderada pelo engenheiro Eduardo Mikail, e com “DNA” na Engenharia. Nosso objetivo é mostrar ao mundo a presença e beleza das engenharias em nossas vidas e toda transformação que podem promover na sociedade.

LEIA O PRÓXIMO ARTIGO

Continue lendo