Engenharia 360

Interfaces cérebro-máquina: militar australiano comanda cão-robô em teste promissor

Engenharia 360
por Redação 360
| 28/03/2023 | Atualizado em 12/04/2023 4 min
HoloLens 2 adaptado – Imagem divulgação de Microsoft via CanalTech

Interfaces cérebro-máquina: militar australiano comanda cão-robô em teste promissor

por Redação 360 | 28/03/2023 | Atualizado em 12/04/2023
HoloLens 2 adaptado – Imagem divulgação de Microsoft via CanalTech
Engenharia 360

Recentemente, houve um avanço impressionante na tecnologia militar australiana, em que um soldado das Forças Armadas conseguiu controlar um cão-robô usando apenas sua mente. Especificamente, ele usou um HoloLens 2 modificado para enviar comandos mentais para o robô. Esse teste contribuiu para divulgar a mais recente criação tecnológica desenvolvida pela Universidade de Sydney, que ainda está em fase de aprimoramento. Por enquanto, o invento será utilizado apenas em patrulhas simuladas.

cão-robô militar
Imagem reprodução Exército da Austrália via Época Negócios

Qual foi a avaliação do novo cão-robô

O equipamento permite que os soldados visualizem um tabuleiro formado por quadrados brancos piscantes. Quando o operador concentra sua atenção em um desses espaços, um biossensor no headset lê os sinais emitidos pelo córtex visual e os envia para um decodificador com Inteligência Artificial. Esse decodificador, então, transmite os sinais para o cão-robô, permitindo que ele entenda o comando.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

O principal é que a tecnologia do novo cão-robô oferece aos soldados uma vantagem adicional em combate, além das armas convencionais!

Um vídeo recentemente divulgado nas redes sociais mostra o sargento Damian Robinson, do 5º Batalhão de Apoio ao Serviço de Combate, controlando o cão-robô com a mente. Segundo ele, o processo não é difícil de aprender e é bastante intuitivo. Não é necessário pensar em nada específico para que o robô responda, mas sim concentrar-se no piscar dos olhos e nos quadrados brancos correspondentes no visor.

Mais tecnologias que podem ser controladas por "telepatia"

Podemos concluir que as tecnologias que permitem o controle por sinais cerebrais estarão cada vez mais presentes em nosso futuro, e não apenas em áreas militares, mas em diversos setores, trazendo benefícios para a sociedade como um todo. Além do caso do cão-robô controlado pela mente, é provável que muitas outras soluções propostas pelas engenharias para o uso de sinais cerebrais para controlar sistemas robóticos e autônomos estejam disponíveis para o público em geral.

Atualmente, não há nenhuma tecnologia, incluindo o cão-robô mencionado, que possa ser controlada por meio de telepatia. No entanto, existem ideias de interfaces cérebro-máquina que permitem o controle de dispositivos por meio de sinais cerebrais. Todas essas tecnologias estão em fase experimental e não estão amplamente disponíveis, exceto aquelas que podem ser controladas remotamente, como drones, usando controle remoto por meio de dispositivos eletrônicos, como smartphones e tablets - sem envolver o controle direto por meio de telepatia.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Engenharias envolvidas nas pesquisas

Diversas áreas da engenharia estão desenvolvendo tecnologias controladas pela mente, como interfaces cérebro-máquina na engenharia biomédica, exoesqueletos e próteses na engenharia mecânica, robôs na engenharia robótica e sistemas de controle na engenharia de sistemas. Embora ainda em fase experimental, tais tecnologias têm potencial para melhorar a vida de pessoas com deficiências físicas e oferecer novas formas de controle remoto de dispositivos e equipamentos.

Exemplos de tecnologias de dispositivos

Alguns exemplos de engenharias de tecnologias de dispositivos que podem ser controlados por meio de sinais cerebrais são:

Próteses de membros controladas pela mente

A engenharia biomédica e a engenharia mecânica estão trabalhando no desenvolvimento de próteses de membros controladas pela mente, que permitem que os usuários movam seus membros protéticos usando sinais cerebrais. Para isso, seriam usados eletrodos colocados na superfície do couro cabeludo ou no cérebro, para captar os sinais elétricos gerados pelos neurônios do cérebro e os traduzir em comandos para controlar a prótese.

profissões engenharias
Imagem de RAEng_Publications em Pixabay

Veja Também: Conheça o cão robô ‘SPOT’ da famosa empresa Boston Dynamics

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Sistemas de comunicação cérebro-computador (SCC)

A engenharia biomédica está trabalhando no desenvolvimento de sistemas de comunicação cérebro-computador (SCC), que permitem que os usuários controlem computadores e outros dispositivos eletrônicos usando sinais cerebrais. Os SCC também usariam eletrodos colocados na superfície do couro cabeludo ou no cérebro, para captar os sinais elétricos gerados pelos neurônios do cérebro e os traduzir em comandos para controlar softwares e aplicativos.

profissões engenharias
Imagem de ulrichw em Pixabay

Veja Também: 3DEXPERIENCE | SQUARE ROBOT para inspeção rápida de tanque de combustível [desenvolvido em SolidWorks]

Tecnologias de realidade virtual e aumentada controladas pela mente

A engenharia de sistemas e a engenharia de software estão trabalhando no desenvolvimento de tecnologias de realidade virtual e aumentada controladas pela mente, que permitem que os usuários interajam com ambientes virtuais usando sinais cerebrais. Novamente, seriam usados eletrodos colocados na superfície do couro cabeludo para controlar a interação do usuário com o ambiente virtual ou aumentado.

realidade virtual e aumentada
Imagem de xresch em Pixabay

Essas tecnologias de dispositivos controlados pela mente estão em constante evolução e têm o potencial de melhorar a qualidade de vida de pessoas com deficiências físicas e também oferecer novas formas de interação com dispositivos e equipamentos.

Veja Também:


Fontes: Olhar Digital.

Imagens: Todos os Créditos reservados aos respectivos proprietários (sem direitos autorais pretendidos). Caso eventualmente você se considere titular de direitos sobre algumas das imagens em questão, por favor entre em contato com [email protected] para que possa ser atribuído o respectivo crédito ou providenciada a sua remoção, conforme o caso.

Comentários

Engenharia 360

Eduardo Mikail

Somos uma equipe de apaixonados por inovação, liderada pelo engenheiro Eduardo Mikail, e com “DNA” na Engenharia. Nosso objetivo é mostrar ao mundo a presença e beleza das engenharias em nossas vidas e toda transformação que podem promover na sociedade.

LEIA O PRÓXIMO ARTIGO

Continue lendo