Engenharia 360

ESCOLHA A ENGENHARIA
DO SEU INTERESSE

Digite sua Busca

Conheça as falhas mais comuns em um processo produtivo (e como elas podem ser uma oportunidade de melhoria)

por Kaíque Moura | 16/12/2016
Copiado!

Ser gestor de produção não é fácil. No processo produtivo, é esperado que ocorra alguma falha em determinado momento. Isso não significa que devemos sempre aceitar essas falhas como algo normal ou como algo que não possamos evitar de jeito nenhum. Como gestores de produção, devemos entender o que deu errado e qual o impacto que essa falha causa e/ou causará no processo, pois assim poderemos tomar medidas preventivas para que as mesmas não ocorram novamente.

Fonte: Shutterstock.

Fonte: Shutterstock.


Algumas pessoas ainda tem certa dificuldade em identificar as falhas e classificá-las. Pensando nisso, mostraremos abaixo os tipos de falhas mais conhecidos que podem estar impactando no seu processo produtivo:

  • Falha de projeto: o projeto global de uma produção pode ser a primeira causa de uma falha. Alguma característica de demanda não observada ou ignorada pode gerar falha. Temos que considerar que o projeto deve ser apropriado para a produção prevista, diferenças entre o previsto e realizado proporcionam a ocorrência de falha, por exemplo um projeto de layout deverá satisfazer as necessidades presentes e permitir alterações para satisfazer também as necessidades futuras.

 

  • Falha de instalação: todas as instalações (máquinas, equipamentos, edifícios e acessórios) também apresentar falhas, podendo ocorrer uma interrupção na atividade produtiva total ou parcial. Mais importante que uma parada no processo produtivo são os efeitos desta parada.

 

  • Falha de pessoal: durante a operação dos equipamentos, alguns dos operadores podem apresentar algumas dificuldades em operar os mesmos, provocando paradas indesejáveis no processo.

 

  • Falha de fornecedores: todo sistema depende da qualidade dos inputs para que consiga produzir bens ou serviços também com qualidade; em outras palavras, se o fornecedor entregar a matéria-prima fora do prazo previsto ou com especificações diferentes da solicitada, provocará a ocorrência de erro dentro do sistema produtivo.

 

  • Falhas de clientes: os clientes podem usar mal os produtos e serviços que a produção produziu. A falta de atenção dos clientes, a incompetência ou a falta de bom senso podem ser a causa da falha. É responsabilidade das organizações educar, treinar e informá-los e projetar seus produtos e serviços de forma a minimizar a probabilidade de falhas.

 

82567108_2300x281

Diálogo e estudo aprofundado ajudam bastante no processo de melhoria contínua.


Identificando e classificando as falhas, podemos também enxergar uma oportunidade de melhoria. Ao invés de procurar o culpado, podemos fazer estudos sobre como ocorreu a falha e, através de um profundo entendimento, encontrar ferramentas e ações que possam garantir uma melhoria no processo.

Copiado!
Engenharia 360

Kaíque Moura

Graduando em Engenharia de Produção no Centro Universitário Santo Agostinho (UNIFSA) e Técnico em Mecânica pelo Instituto Federal do Piauí (IFPI).

Comentários