Engenharia 360

Como é um projeto de estradas e rodovias? | 360 Explica

Imagem padrão usuário
por José Joebson Lima
| 26/03/2018 | Atualizado em 22/11/2021 2 min

Projeto Geométrico é um conjunto de métodos e técnicas que visam tornar viável nos aspectos econômico e mais da construção de uma rodovia ou estrada.

Como é um projeto de estradas e rodovias? | 360 Explica

por José Joebson Lima | 26/03/2018 | Atualizado em 22/11/2021

Projeto Geométrico é um conjunto de métodos e técnicas que visam tornar viável nos aspectos econômico e mais da construção de uma rodovia ou estrada.

Engenharia 360

Desde os primórdios da civilização, um dos grandes desafios é trafegar, e isto sempre foi feito desbravando terrenos antes desconhecidos. A conquista de territórios, o avanço da ciência, tudo isso precisou ser acompanhado pela otimização das atividades do Setor de Transportes. A Engenharia antiga, nascida com as primeiras peripécias humanas de se deslocar em busca de melhores condições de vida, iniciou o processo prático de traçar caminhos para melhorar a qualidade do trajeto e economizar tempo. Com o passar dos séculos, isso tomou forma e passou a se chamar “Projeto Geométrico“, consistindo nas etapas de Reconhecimento, Exploração e Projeto, englobando os inúmeros estudos necessários para garantir que o processo de operação, frenagem, condições de segurança, aceleração e conforto, assim como a viabilidade técnica, econômica e ambiental do empreendimento. A figura abaixo, por exemplo, ilustra o traçado de uma rodovia.

TRAÇADO
Traçado de uma Rodovia A-B. Fonte: PONTES FILHO, 1998.

Projeto Geométrico

O Projeto Geométrico, em aspectos práticos, é um conjunto de métodos e técnicas que visam tornar viável nos aspectos econômico, social e ambiental a construção de uma rodovia, seja ela municipal, estadual ou federal (Níveis de Jurisdição).

Com foco no projeto/obra de uma rodovia, são considerados diversos fatores, porém, para fim de projeto são: o reconhecimento, a exploração e o projeto. Vale salientar que a esse tipo de empreendimento e sua execução física cabem muitos estudos dentro destas fases, que são: estudos de tráfego; geotécnicos/geológicos; hidrológicos; topográficos; geométricos; de obras de terra; de terraplenagem; de pavimentação; de drenagem; de obras de arte especiais; viabilidade econômica; de desapropriação; elementos de segurança; cronograma/orçamento de obra; de sinalização; e estudo de impacto ambiental.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Continue Lendo
blur 3248282 1280
Fonte: Pixabay.

Veja Também: Conheça as 5 estradas mais perigosas do Brasil

Os nortes para estes estudos podem ser divididos em fases. São elas:

  • RECONHECIMENTO: são levantados dados iniciais sobre a região e possibilidades de traçado/local para a estrada passar. São definidos os principais obstáculos topográficos, geológicos e hidrológicos, para logo em seguida ser lançado o anteprojeto.
  • EXPLORAÇÃO: consiste no projeto topográfico de uma faixa limitada do terreno, onde se pretende projeto o eixo da estrada. Nesta fase, projetos de geotecnia visando corte/aterro são apresentados, assim como o aprofundamento de estudos de tráfego, hidrológicos, geológicos e topográficos.
  • PROJETO: é a fase detalhamento do anteprojeto. São determinados e aperfeiçoados os elementos necessários à perfeita definição do projeto em planta, perfis e secções transversais e longitudinais.

O PROJETO DE ESTRADAS final é o conjunto de todos esses projetos acrescidos da memória de cálculo, junto às especificações técnicas e soluções adotadas para a execução da obra e, claro, com um relatório final de impacto ambiental.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Comentários



Assine nossa newsletter
e receba
uma curadoria exclusiva de conteúdos:

Continue lendo