Engenharia 360

ESCOLHA A ENGENHARIA
DO SEU INTERESSE

Digite sua Busca

Nova bateria de carro elétrico pode ser carregada em 5 minutos

por Rafael Panteri | 05/02/2021
Copiado!

Para contribuir com um desenvolvimento sustentável, os carros elétricos ganham cada vez mais espaço, ainda mais com baterias que carregam em 5 minutos

Os veículos elétricos se tornaram parte importante na luta conta a crise climática. A substituição do petróleo e do diesel se mostrou eficiente em desempenho e em redução de gastos para seus condutores. O grande problema dessa tecnologia é o tempo de recarga das baterias. Basta ver o Leaf, da Nissan.

Leaf, carro totalmente elétrico da Nissan
Leaf, carro totalmente elétrico da Nissan

O carro é totalmente elétrico com motor de 107 cavalos e capacidade de alcançar 144 km/h. Para rodar 160 quilômetros é preciso recarregá-lo por, no mínimo, 8 horas. Dentro da categoria é um feito notável, porém para motoristas em viagens longas, uma pausa de 8 horas talvez atrapalhe os planos.

Para Doron Myersdorf, CEO da StoreDot, o fator ansiedade controla o trânsito atual. “Você não quer ficar preso no engarrafamento, muito menos passar duas horas em uma estação de recarga porque seu carro ficou sem bateria.”

As novas baterias de íon-lítio, desenvolvidas pela empresa israelense StoreDot e produzidas pela Eve Energy, na China, prometem acabar com esse inconveniente. Elas podem ser recarregadas em apenas cinto minutos se forem utilizados carregadores muito mais potentes do que os disponíveis atualmente. Segundo a empresa, a tecnologia já está pronta para ser produzida e vendida em larga escala.

Como funcionam as novas baterias?

Nas baterias de íon-lítio convencionais, o grafite é usado como um dos eletrodos. Sua função é receber os íons presentes na solução aquosa e assim garantir a recarga da bateria. Se esse processo acontecer rápido demais, os íons podem ficar congestionados e acabar se transformando em metal (lítio metálico), causando um curto-circuito. A novidade nas baterias da StoreDot é a substituição do grafite por nano-partículas semicondutoras. Dessa forma, os íons passam com mais velocidade e organização.

Bateria de íon-lítio convencional
Bateria de íon-lítio convencional. Imagem: architecnologia

A próxima etapa é o avanço nos postos de abastecimento. Empresas desse setor ao redor do mundo então trabalhado para desenvolver novas tecnologias, como Tesla, Enevate e Sila Nanotechnologies. Os próximos postos precisam ter potência suficiente para carregar a bateria em minutos.

Essa tecnologia é de suma importância para o desenvolvimento sustentável e proteção contra crises climáticas. Em seu Twitter, Elon Musk publicou: “a produção de células de bateria é o limitador que atrasa o futuro da energia sustentável. Problema muito importante.”

Fontes : The Guardian

Leia também: Bateria mais eficiente do mundo deve ser comercializada em breve

O que achou dessa tecnologia? Deixe nos comentários.

Copiado!
Engenharia 360

Rafael Panteri

Estudante de Engenharia Elétrica no Instituto Mauá de Tecnologia. Parte da graduação em Shibaura Institute of Technology - Japão.

Comentários