Engenharia 360

ESCOLHA A ENGENHARIA
DO SEU INTERESSE

Digite sua Busca

BMW disponibiliza seus algoritmos de inteligência artificial para o público

por Kamila Jessie | 18/12/2019

A BMW é conhecida por suas técnicas avançadas de automação na fabricação, sendo referência da indústria 4.0. Agora, a montadora está abrindo alguns dos algoritmos de inteligência artificial (IA) para o público, soltando os códigos na plataforma GitHub. Bom ou ruim, é uma atitude que chama tanta atenção quanto um BMW por aí.

BMW linha de produção automatizada
Imagem: BMWBlog.

Reconhecimento de imagens aplicado à “fiscalização” da
produção

Os algoritmos de IA que foram liberados na GitHub estão focados no software automatizado de reconhecimento e identificação de imagens da BMW. O objetivo da empresa ao soltar os algoritmos é que desenvolvedores ao redor do mundo os usem para melhorar o código. Esse papo colaborativo é bem comum no mundo da computação.

Em uma divulgação no blog da BMW, Dirk Dreher, chefe de planejamento
logístico, mencionou que “Com os algoritmos que estamos publicando agora, o BMW
Group reduziu significativamente o tempo de desenvolvimento de redes neurais
para sistemas de transporte autônomo e robôs”. Então, sim, há planos ousados de
automação, com IA integrada.

Câmera de infravermelho da BMW para reconhecimento de imagens atrelado à IA
Imagem: BMWBlog.

BMW de braços abertos e código também

Ao disponibilizar seu código-fonte ao público, a BMW obtém
ajuda para levar seu software de IA para níveis refinados, enquanto os
desenvolvedores têm acesso ao seu software de identificação de padrões de
imagens digitais. As redes neurais comparam imagens ao vivo em produções e
logística com imagens em bancos de dados para identificar quaisquer diferenças.
Isso melhora a produtividade e reduz o potencial de cometer erros.

O objetivo de tornar os algoritmos open-source, isto é,
abertos ao público, foram reiterados também por Kai Demtröder, chefe de
inteligência artificial e plataforma de dados da BMW, na mesma publicação do
blog: “Estamos fazendo grandes investimentos em inteligência artificial. Ao compartilhar
nossos algoritmos com a comunidade global de desenvolvedores, queremos fazer
nossa parte e tornar a IA acessível a um amplo grupo de usuários. Esperamos que
o desenvolvimento adicional de código aberto leve a um avanço rápido e ágil do
software”.

Todos os usuários dos algoritmos permanecem anônimos,
mantendo o espírito da abordagem de código aberto, disse a BMW no blog. A empresa
também declarou que verificará todas as sugestões de usuários e desenvolvedores
externos antes que sejam colocadas em prática e compartilhadas com a
comunidade. Muita gente vai trabalhar de graça com isso, mas será apenas no caso
de haver interesse. Outra questão é chamar atenção da equipe de TI, no caso da
proposição de alterações pertinentes e úteis nos algoritmos.

Fonte: BMWBlog.

Comentários

Engenharia 360

Kamila Jessie

Engenheira ambiental e sanitarista, MSc. e atualmente doutoranda em Engenharia Hidráulica e Saneamento pela Universidade de São Paulo. http://orcid.org/0000-0002-6881-4217