Engenharia 360

Construção civil: 5 tipos de estacas fundamentais para garantir a estabilidade das estruturas

Engenharia 360
por Simone Tagliani
| 27/02/2023 | Atualizado em 05/03/2023 4 min
Imagem reproduzida de APL Engenharia

Construção civil: 5 tipos de estacas fundamentais para garantir a estabilidade das estruturas

por Simone Tagliani | 27/02/2023 | Atualizado em 05/03/2023
Imagem reproduzida de APL Engenharia
Engenharia 360

A construção civil é uma das atividades que mais movimenta a economia brasileira. São profissionais que se dedicam a este setor os engenheiros civis e arquitetos, que precisam dominar, entre tantas questões relacionadas às edificações e outras obras, os diferentes tipos de estacas de fundações. Estes são elementos fundamentais até mesmo na estabilidade de pontes, usados para transferir as cargas da estrutura para camadas mais profundas do solo.

Existem vários tipos de estacas de fundação. Confira, a seguir, aquelas que mais se destacam!

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

1. Estacas de madeira

As estacas de madeira são elementos estruturais usados na construção civil para suportar cargas em solos moles ou instáveis. Elas são feitas de madeira de alta resistência e podem ser cravadas no solo com maquinário especializado. É uma opção econômica e sustentável para a fundação de edifícios, pontes e outras estruturas.

Tais estacas também são fáceis de transportar e instalar, o que as torna uma opção popular em áreas remotas ou de difícil acesso. No entanto, elas são menos duráveis do que outras opções de estacas e podem ser mais suscetíveis a danos causados por insetos, umidade e apodrecimento.

tipos de estacas
Imagem reproduzida de Sondarello
tipos de estacas
Imagem reproduzida de Sondarello

2. Estacas de concreto pré-moldado

As estacas de concreto pré-moldado são elementos estruturais utilizados na construção civil para suportar cargas em solos firmes ou compactos. Elas são produzidas em fábricas com alta precisão e qualidade, e depois transportadas para o local da obra. E cravadas no solo por meio de martelos hidráulicos ou vibratórios, garantindo maior resistência e durabilidade.

Esse tipo de estaca é uma opção segura e confiável para a fundação de edifícios, pontes e outras estruturas, pois suporta cargas elevadas e pode ser projetada para atender a diversas necessidades. Além disso, as estacas de concreto pré-moldado são resistentes a insetos, umidade e apodrecimento, o que as torna uma opção durável e de baixa manutenção. No entanto, elas podem ser mais caras do que outras opções de estacas e requerem equipamentos especializados para a instalação.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

tipos de estacas
Imagem reproduzida de Engecon Fundações

3. Estacas de concreto moldadas in loco

As estacas de concreto moldadas in loco são elementos estruturais utilizados na construção civil para suportar cargas em solos firmes ou compactos. Elas são produzidas no local da obra, em furos escavados previamente, e preenchidas com concreto moldado. E cravadas no solo por meio de martelos hidráulicos ou vibratórios, garantindo maior resistência e durabilidade.

Esse tipo de estaca também é uma opção segura e confiável para a fundação de edifícios, pontes e outras estruturas. Além disso, as estacas de concreto moldadas in loco são resistentes a insetos, umidade e apodrecimento, o que as torna uma opção durável e de baixa manutenção. No entanto, elas podem ser mais trabalhosas e demoradas de serem instaladas do que outras opções de estacas e requerem equipamentos especializados.

tipos de estacas
Imagem reproduzida de CarLuc Engenharia

4. Estacas metálicas

As estacas metálicas são elementos estruturais utilizados na construção civil para suportar cargas em solos firmes ou compactos. Elas são feitas de aço ou outros metais, como alumínio, e são cravadas no solo por meio de martelos hidráulicos ou vibratórios. E são uma opção segura e confiável para a fundação de edifícios, pontes e outras estruturas, pois suportam cargas elevadas e podem ser projetadas para atender a diversas necessidades.

Tais estacas são resistentes a insetos, umidade e apodrecimento, o que as torna uma opção durável e de baixa manutenção. Além disso, as estacas metálicas são facilmente ajustáveis em comprimento e diâmetro, permitindo uma instalação mais rápida e eficiente. No entanto, elas podem ser mais caras do que outras opções de estacas e podem sofrer corrosão ao longo do tempo se não forem adequadamente tratadas ou revestidas.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

tipos de estacas
Imagem reproduzida de Escola Engenharia

5. Estacas híbridas

Por último, falamos das estacas híbridas. Elas são elementos estruturais utilizados na construção civil para suportar cargas em solos instáveis ou com baixa resistência. E produzidas combinando diferentes materiais, como concreto e aço, ou madeira e aço, para aproveitar as vantagens de cada material e compensar suas limitações.

As estacas híbridas podem ser cravadas no solo por meio de martelos hidráulicos ou vibratórios, ou moldadas in loco, dependendo da combinação de materiais utilizados. Elas são uma opção versátil e econômica para a fundação de edifícios, pontes e outras estruturas, pois combinam a resistência e durabilidade de diferentes materiais. Além disso, resistentes a insetos, umidade e apodrecimento, o que as torna uma opção durável e de baixa manutenção. No entanto, elas podem ser mais complexas de serem instaladas e podem apresentar desafios no processo de projeto e engenharia, devido à combinação de diferentes materiais.

tipos de estacas
Imagem reproduzida de Wasaki Engenharia

Cada tipo de estaca tem suas vantagens e desvantagens. A escolha do tipo adequado dependerá das características do solo, das cargas da estrutura, dos custos e da disponibilidade de materiais e equipamentos. E a seleção cuidadosa é essencial para garantir a segurança e estabilidade das estruturas.

Veja Também: Prédios tortos de Santos: confira metodologia construtiva utilizada no reaprumo de prédio inclinado


Fontes: Blog APL.

Imagens: Todos os Créditos reservados aos respectivos proprietários (sem direitos autorais pretendidos). Caso eventualmente você se considere titular de direitos sobre algumas das imagens em questão, por favor entre em contato com [email protected] para que possa ser atribuído o respectivo crédito ou providenciada a sua remoção, conforme o caso.

Comentários

Engenharia 360

Simone Tagliani

Graduada nos cursos de Arquitetura & Urbanismo e Letras Português; técnica em Publicidade; pós-graduada em Artes Visuais, Jornalismo Digital, Marketing Digital, Gestão de Projetos, Transformação Digital e Negócios; e proprietária da empresa Visual Ideias.

LEIA O PRÓXIMO ARTIGO

Continue lendo