Engenharia 360

ESCOLHA A ENGENHARIA
DO SEU INTERESSE

Digite sua Busca

Qual a diferença entre Engenharia Civil e Engenharia de Produção Civil? | 360 Explica

por Samira Gomes | 05/08/2020
Copiado!

Embora sejam parecidas, a Engenharia Civil e a Engenharia de Produção Civil tem diferenças, principalmente nas áreas de atuação

Sair do ensino médio em dúvida sobre qual curso superior escolher é extremamente comum entre os estudantes. Quem opta pela área da Engenharia, encontra cerca de 39 ramos diferentes para seguir, e muitas vezes não entende a distinção entre alguns deles. É o caso da Engenharia Civil e Engenharia de Produção Civil que, apesar de possuírem as mesmas atribuições, diferem significativamente entre si. Se você não sabe qual é a diferença entre essas duas profissões, o Engenharia 360 explica!

Foto: Divulgação

O que faz um engenheiro de produção civil?

O curso de Engenharia de Produção Civil, como o próprio nome denota, combina conhecimentos da Engenharia Civil e de Produção, proporcionando a formação de profissionais com habilidades para atuar em serviços de construção civil e no projeto e execução de obras, bem como na organização e controle de sistemas produtivos, a fim de otimizar a qualidade do produto que será entregue e a produtividade do trabalho.

Por meio dessa pluralidade de conhecimentos voltados para a construção civil e gestão, o profissional dessa área tem capacidade para organizar e controlar o desenvolvimento de grandes obras, além de aumentar a eficácia de sistemas operacionais, como a indústria de construção civil e sistemas de transportes.

O engenheiro Guilherme Ernani Vieira, coordenador dos cursos de Engenharia de Produção (Civil, Elétrica e Mecânica) da UFSC, afirma que “o engenheiro de produção civil é um profissional de perfil flexível e empreendedor, com grande capacidade de atuação em diversos níveis de organização, como em construtoras, por exemplo”. Segundo ele, “o engenheiro da área está apto a desempenhar, além das funções técnicas da Engenharia Civil, também funções gerenciais e administrativas”.

Durante a graduação, o estudante encontrará disciplinas de áreas como Administração, Logística, Produção, Pesquisa Operacional e Ergonomia, além daquelas encontradas no curso de Engenharia Civil: Teoria das Estruturas, Topografia, Tecnologia de Construção, etc.

Engenheiro segurando tablet e fiscalizando obra de cima de prédio
O engenheiro de produção civil pode exercer projetos comuns da engenharia civil e conduzir a produtividade e eficiência operacional de uma organização. Foto: Sculpies/Adobe Stock

E o engenheiro civil?

A Engenharia Civil é a área responsável pela criação, realização e manutenção de projetos de infraestrutura, objetivando o bem-estar social. E ainda que a imagem do engenheiro civil seja relacionada à construção de prédios, casas e pontes, esse profissional também atua em outros ramos, como o estudo de materiais, do solo e recursos prediais.

Na construção civil, o graduado nesse ramo da Engenharia é encarregado das partes de terraplanagem, impermeabilização e pavimentação, além do planejamento e efetuação de projetos de construção, seja de pequeno ou grande porte. Além disso, o engenheiro civil também faz o gerenciamento de recursos prediais, estuda e analisa os elementos inseridos no ambiente em que a construção é executada e suas redes de instalações elétricas.

Além das disciplinas de Matemática, Física e Química, encontradas no ciclo básico de qualquer curso de Engenharia, as principais do curso de engenharia civil são: Mecânica dos Solos, Construção de Edifícios, Fundações, Concreto Protendido, Hidráulica e Resistência dos Materiais.

engenheiro civil segurando planta e olhando para obra
O engenheiro civil atua principalmente na elaboração e realização de projetos de construção. Foto: Panumas/Adobe Stock

Mesmas atribuições?

Assim como o curso de engenharia civil, a engenharia de produção civil também trata-se de uma área regulamentada pelo Conselho Nacional e Conselhos Regionais de Engenharia e Agronomia (Confea e CREAs, respectivamente). Por serem profissões parecidas, surge a dúvida sobre as atribuições de cada uma delas.

Conforme o artigo 1º da Resolução 288/83: “Aos profissionais diplomados em Engenharia de Produção ou Engenharia Industrial, cujos currículos escolares obedeçam às novas estruturas, dar-se-á o título e atribuições de acordo com as seis grandes áreas da Engenharia de onde se originaram e da seguinte forma: a) Aos oriundos da área CIVIL, o título de Engenheiro Civil e as atribuições do Art. 7º da Resolução nº 218/73, do Confea”.

Dessa maneira, baseado no artigo 7° da Resolução 218/73 do Confea, o engenheiro de produção civil (EPC), ao concluir a graduação, possui as mesmas atribuições do engenheiro civil. No entanto, segundo o CREA-MG, o título profissional recebido é o de engenheiro de produção civil.

Independente de qual engenharia você escolher, todas elas são importantes e se complementam. Busque entender quais são os seus objetivos de vida, as disciplinas que você mais tem afinidade e como você se imagina no futuro. Logo, você encontrará o curso certo.

Leia também: O que você precisa saber sobre a vida universitária?

Fontes: Sienge, Educação CC, WEG

E você, já decidiu sobre a sua engenharia? Conta para a gente nos comentários!

Copiado!
Engenharia 360

Samira Gomes

Engenheira de Produção em formação no Vale do São Francisco. Nordestina fascinada pela escrita. Almeja levar Engenharia e Tecnologia a todos, por meio das palavras, pois acredita que a leitura é a principal ferramenta de aprendizagem.

Comentários