Levantamento Arquitetônico 

Como fazer um? 

Simone Tagliani 25/05/2022

Edificações antigas, por exemplo, costumam não possuir registro projetual. Antes de desenvolver projetos de reformas, e mais, estas dúvidas precisam ser sanadas, buscando meios de se identificar a exata configuração espaço existente! 

Nessa etapa, o profissional realiza a medição da edificação ‘as built’, ou seja, como construída. E toda essa anotação, realizada manualmente em um papel, logo é convertida em um projeto real. 

O que é LA?

Essas informações são, posteriormente, representadas graficamente em plantas baixas e elevações. Tudo isso será usado em projetos arquitetônicos, estruturais, hidráulicos e elétricos, e mais. 

Os dados coletados 

Podem-se combinar técnicas bem avançadas para realizar o Levantamento Arquitetônico, como trenas eletrônicas a laser, apps de celular, softwares de PC e outros. Porém, os instrumentos tradicionais ainda são insubstituíveis. 

Material necessário 

Para captar todos os detalhes da edificação, existem diversas técnicas, como o laser scanning. Mas, fazer croquis  já é um bom começo. O importante mesmo é anotar o maior número de informações, como detalhes estruturais. 

Começando o serviço 

Depois de realizar a coleta de dados, in loco, é o momento da elaboração dos desenhos técnicos, como as plantas baixas, os cortes, as elevações e os detalhes. Essa criação servirá de base para estudos futuros. 

Etapas seguintes 

Isso ajuda num melhor conhecimento de toda a complexidade geométrica, construtiva e dimensional da edificação. E para facilitar, programas de computador, como o Revit, permitem essa expressão com maior perfeição. 

O registro gráfico