Engenharia 360

Instalações Hidráulicas: planejar antes de executar

Imagem padrão usuário
por Fernando de Almeida Salles
| 05/06/2014 | Atualizado em 23/11/2022 2 min

Instalações Hidráulicas: planejar antes de executar

por Fernando de Almeida Salles | 05/06/2014 | Atualizado em 23/11/2022
Engenharia 360
“Perguntaram a um lenhador: qual é momento mais importante quando você derruba uma árvore? É o momento de afiar o meu machado, respondeu ele.” Na gestão de uma obra – como de instalações hidráulicas – a fase de planejamento é fundamental para uma boa execução e obtenção dos resultados esperados. Muitas vezes negligenciada pela ânsia de se começar os trabalhos em campo, é no ato de planejar que se ganha tempo (ou pode, também, deixar-se de perder tempo), reduz-se o custo, maximiza-se a qualidade através da verificação detalhada dos itens e serem executados.
fenomenos-transporte-hidraulica

Sob esse enfoque, vamos abordar a fase de planejamento das instalações hidráulicas prediais de água fria, iniciando pelo projeto hidráulico, o qual deve ser compatibilizado com os projetos de arquitetura, fundações, estrutura e elétrica, merecendo uma revisão minuciosa antes de ser levado à execução.

Resolvido o projeto, deve-se elaborar o memorial descritivo das tubulações, conexões, registros, acabamentos, bombas, reservatórios e tudo o mais que será utilizado na execução. O principal objetivo de se ter um memorial é evitar pedidos aleatórios do instalador hidráulico durante a execução, o que certamente levará a uma compra de itens desnecessários, além de se prever o fluxo de aquisições e gastos dos itens.

Ainda faz parte do planejamento das instalações hidráulicas de água fria, a orçamentação e contratação da mão de obra e previsão do local de guarda e estocagem do material.

Só assim, pode-se iniciar a execução com segurança e evitando improvisos que causam atrasos e custam caro.

O Engenharia 360 tem muito mais a compartilhar com você! Confira ao webstories a seguir!

Comentários

LEIA O PRÓXIMO ARTIGO

Continue lendo