Engenharia 360

ESCOLHA A ENGENHARIA
DO SEU INTERESSE

Digite sua Busca

Descubra 5 mitos sobre impressão 3D

por Larissa Fereguetti | 08/08/2019
Copiado!

Se você parar para pensar, é possível ficar espantado com a quantidade de possibilidades que a impressão 3D proporciona. Quem tem um “brinquedinho” desses sabe que ele é capaz de imprimir praticamente tudo: casas, órgãos, comida, etc. Porém, como quase tudo tem limites (pela esquerda ou pela direita), há alguns mitos sobre impressão 3D que você precisa desvendar.

mitos sobre a impressão 3D
Imagem: smallbiztrends.com

1. Armas impressas em 3D não são realmente uma ameaça

Embora se fale em armas impressas em 3D há anos, elas não representam um grande perigo. Caso contrário, seria algo bastante comum. A verdade é que imprimir uma arma funcional em 3D é mais difícil do que parece. Ainda, é bem provável que você precise usar peças metálicas e munição.

2. O meio ambiente não está em risco

Acredita-se que, com a popularização da impressão 3D, o consumo do plástico e o descarte vai aumentar. Porém, a tendência é justamente o contrário: com a fabricação sob medida, o desperdício é muito menor. Além disso, os materiais impressos podem ser biodegradáveis e provenientes de reciclagem e produtos naturais.

mitos sobre a impressão 3D
Imagem: ultimaker.com

3. A impressão 3D não vai roubar seu emprego

Quando refletimos sobre o assunto, parece que essa tecnologia vai destruir o emprego de muita gente em diversos setores. Porém, precisamos pensar na quantidade de empregos novos que ela vai gerar. Afinal, basta uma ideia criativa e uma impressora 3D para virar um empreendedor de sucesso.

4. Os produtos piratas não vão aumentar

Com uma impressora 3D em casa, quem precisaria comprar alguns objetos quando é possível reproduzi-los? Esse pensamento parece lógico até nós mostrarmos o outro lado dele: imprimir em casa é mais caro que uma produção em massa. Então, em grande parte das vezes, comprar o produto continuará sendo mais barato que imprimir. Além disso, as empresas podem usar blockchain para rastrear seus projetos e produtos, tornando o processo mais seguro.

5. Não é muito caro nem complicado

Claro que é trabalhoso desenhar, montar o projeto, configurar a impressora e etc., mas é uma questão de prática. Além disso, há vários projetos disponíveis na internet. Com relação ao preço, ele é variável e depende das funções que você quer e da qualidade do produto. É possível achar impressoras que custam desde o preço de um celular até o preço de um carro (dos mais variados modelos). Porém, a tendência é de que fique cada vez mais acessível ao longo do tempo.

Referências: TechXplore

Copiado!
Engenharia 360

Larissa Fereguetti

Doutoranda, mestre e engenheira. Fascinada por tecnologia, curiosidades sem sentido e cultura (in)útil. Viciada em livros, filmes, séries e chocolate. Acredita que o conhecimento é precioso e que o bom humor é uma ferramenta indispensável para a sobrevivência.

Comentários