Engenharia 360

ESCOLHA A ENGENHARIA
DO SEU INTERESSE

Digite sua Busca

Carregamento sem fio promete um fim aos cabos de dispositivos do dia-a-dia

por Kamila Jessie | 03/12/2019
Copiado!

Quem aí não se rende a mexer no celular enquanto ele está carregando? E quem tem problemas com felinos roendo cabos? Fora o esquecimento do carregador nos momentos em que a gente mais precisa. Além dessas questões cotidianas, um futuro de carregamento wireless massivo e à distância pode reduzir muito lixo eletrônico e mudar algumas coisas no nosso estilo de vida.

carregamento sem fio
Imagem: zagg.com

Cabos demais no chão, nas paredes e no lixo

A questão ambiental costuma liderar a motivação para mudanças (ou pelo menos deveria) e, no cenário atual de geração de lixo eletrônico, algumas empresas estão tentando se livrar deles: os cabos. As companhias Wi-Charge, Energous e Ossia estão desenvolvendo métodos sem fio para alimentar dispositivos tecnologia infravermelha segura e eficiente.

Somado ao meio ambiente, vem a crescente demanda por energia, principalmente associada ao advento do 5G. Assistentes de voz, residências inteligentes e dispositivos smart em geral devem se tornar parte integrante de nossas vidas diárias nos próximos anos. Mas tudo isso requer energia e, portanto, cabos de alimentação.

Soluções de carregamento sem fio instaladas em cômodos e veículos

Uma empresa envolvida nisso, a Wi-Charge, tecnologia permite que os usuários alimentem pequenos dispositivos, como smartphones, alarmes de incêndio inteligentes e travas inteligentes, a vários metros de distância sem fios. A tecnologia funciona enviando um fino feixe de luz infravermelha. Um receptor no dispositivo ativado converte o feixe em eletricidade.

carregamento sem fio
Imagem: Wi-Charge

Outra companhia trabalhando nisso, a Energous construiu um dispositivo semelhante a um assistente doméstico inteligente que suporta carregamento doméstico e sem fio. Sua tecnologia pode carregar dispositivos a até 5 metros de distância, incluindo smartphones, câmeras, aparelhos auditivos e drones. A vantagem desse carregador é poder carregar vários dispositivos ao mesmo tempo.

Um lugar problemático, e até perigoso, para manter muitos cabos é o banheiro. A Wi-Charge testou sua tecnologia de energia sem fio para pequenas empresas, com foco em seus banheiros. Os dispositivos no banheiro são carregados sem fio, incluindo torneiras sem contato, dispensadores de sabão e válvulas de descarga. Essa tecnologia não apenas pode livrar os banheiros dos cabos, como também remove a necessidade de baterias volumosas nesses dispositivos.

carregamento sem fio
Imagem: Wi-Charge

Enquanto o Wi-Charge está focado em banheiros e espaços públicos, outra empresa, Ossia, tem como objetivo criar seu próprio nicho em carregamento sem fio para a indústria automotiva – com carros que também devem ser revolucionados pelo 5G.

A empresa desenvolveu um transmissor sem fio que é inserido diretamente no capô ou no painel de um carro e pode fornecer energia wireless simultaneamente a dispositivos pessoais e sensores automotivos. Esses sensores, que fornecem inúmeras leituras sobre o carro ao motorista, estão se tornando cada vez mais precisos ao mesmo tempo em que são mais dependentes da conectividade e da potência.

A energia sem fio é um espaço cada vez mais competitivo e o futuro dos carregamentos pode muito bem ser livre de cabos. A gente agradece.

Fonte: Interesting Engineering.

Copiado!
Engenharia 360

Kamila Jessie

Engenheira ambiental e sanitarista, MSc. e atualmente doutoranda em Engenharia Hidráulica e Saneamento pela Universidade de São Paulo. http://orcid.org/0000-0002-6881-4217

Comentários