Motores elétricos 

Diferentes tipos

Luan Rodrigues  29/06/2022

Motores elétricos são dispositivos capazes de transformar, de forma rotativa, energia elétrica em mecânica. E podem ter uma construção e utilização relativamente simples, limpa e de baixo custo! 

É utilizado em aplicações que exigem uma potência menor e se caracterizam por serem alimentados em tensão alternada por uma ou duas fases. Sua utilização é comum em dispositivos auxiliares que ajudam na sua partida. 

Monofásicos 

É alimentado por três fases. Possui basicamente duas partes principais: o estator e o rotor – ambos, por terem um baixo custo, são encontrados facilmente no mercado e em muitas aplicações industriais. 

Trifásicos 

Em aplicações de grande porte. A principal característica deles é que a velocidade do seu rotor, constante e igual ao campo girante do estator independente da carga acoplada em seu eixo. 

Síncronos 

Para motores CC. Alimentados por uma fonte de energia contínua. A velocidade desses motores é facilmente controlada apenas variando a sua tensão. E seus principais componentes são: o enrolamento de campo; o comutador; e as escovas. 

Corrente contínua 

Capaz de se movimentar com alta precisão angular devido à construção de seus polos magnéticos e ao circuito de controle feito eletronicamente através de um drive. E sua resolução é definida pelo ‘número de passos por volta'. 

Motor de passo 

Em aplicações que exigem alta precisão, com principal característica a presença de um feedback de posição e velocidade acoplado em seu eixo e ter acionamento CC ou CA, dependendo de sua aplicação e potência. 

Servo motor 

Brushless DC Motors ou ‘motores de corrente contínua sem escovas’, são constituídos de ímãs permanentes e estatores que, através da atração e repulsão magnética, geram movimento de forma síncrona. Encontrados, por exemplo, em veículos elétricos. 

Brushless