Engenharia 360

ESCOLHA A ENGENHARIA
DO SEU INTERESSE

Digite sua Busca

Tratar esgoto é maior desafio para despoluir o Tietê

Engenharia 360

2 min

POR Eduardo Mikail 01/10/2012

Situação é mais crítica em dez municípios da Região Metropolitana, que até 2011 não tinham tratamento de dejetos, segundo a Cetesb. Fonte: BRUNO DEIRO, O Estado de S.Paulo

Um estudo com os 176 municípios que fazem parte da Bacia do Rio Tietê revela que menos de 30% têm sistema de coleta e tratamento total de esgoto. Outros 31 (quase20%), boa parte na região da Grande São Paulo, não realizam nenhum tipo de processamento nos dejetos que lançam no complexo hidrográfico.

Os números estão no Relatório de Qualidade das Águas Superficiais no Estado de São Paulo, da Companhia de Tecnologia de Saneamento Ambiental (Cetesb), divulgado neste ano, com dados de 2011. O ponto mais crítico está em dez cidades da Região Metropolitana, ao norte e oeste da capital, que até o ano passado não tratavam o esgoto.

No interior, a maioria dos municípios sem sistema de tratamento está em áreas próximas a Araraquara e Bauru. “As cidades recebem investimentos em proporção diferente. Não há muitos projetos integrados, cada município lida com a questão conforme a vontade do prefeito”, diz Édison Carlos, presidente do Instituto Trata Brasil.

Carlos Eduardo Carrela lembra que, muitas vezes, o plano de saneamento de uma cidade da Bacia do Rio Tietê é prejudicado pela falta de investimentos do município vizinho. “Como o meio ambiente não tem fronteira, a poluição percorre vários pontos da bacia e os resultados acabam sendo pequenos, Não adianta uma cidade tratar 100% se a outra não trata nada. Grandes municípios como Guarulhos, por exemplo, têm níveis de tratamento muito baixos. “Historicamente apontada como umas das cidades menos compromissadas com a questão do saneamento, Guarulhos despejava todo o esgoto de seu 1,2 milhão de moradores direto no Rio Tietê. Há pouco mais de dois anos, porém, conseguiu pôr em prática o projeto de uma década e saltou para 35% de tratamento.

“Em abril, fechamos acordo para a construção da terceira estação de tratamento. Em um ano, pretendemos tratar 50% do esgoto da cidade”, diz Afrânio de Paula Sobrinho, superintendente do Serviço Autônomo de Água e Esgoto (Saae), empresa responsável pelo saneamento do município. Segundo o engenheiro, mesmo fora do Projeto Tietê, Guarulhos tem a meta de chegar a 80% de tratamento até 2016.

Na Região Metropolitana, os únicos municípios que têm 100% de coleta e tratamento de esgoto são Salesópolis, onde fica a nascente do Rio Tietê, e São Caetano do Sul. No total, 51 cidades da bacia têm esse status – a maioria fica em regiões próximas a Jaú e Araçatuba. Esta última, por sinal, é a mais populosa da lista, com pouco mais de 180 mil habitantes. Os dois córregos da cidade, Ribeirão Baguaçu e Córrego Lafon, estão preservados. “A cidade não tem problemas com a destinação do esgoto, a não ser em casos pontuais de vazamentos, que são logo resolvidos”, diz José Luiz Fares, presidente do Departamento de Água e Esgoto de Araçatuba (Daea).

Via Eccaplan

blog da engenharia
Blog de Engenharia
Blog de Engenharia Ambiental
Blog Engenharia
dicas de engenharia
Dicas do curso de Engenharia
Engenharia Ambiental
Engenharia no Brasil
Estudantes de Engenharia
Poluição
Rio Tietê
site da engenharia
site de engenharia
Site de Engenharia Ambiental
Site Engenharia
Tratar esgoto é maior desafio para despoluir o Tietê

Eduardo Mikail

Engenheiro Civil, empresário e empreendedor digital. É fundador do Engenharia 360 e sócio-fundador da Bronks content., produtora de conteúdo e projetos digitais. Formado em Engenharia Civil e Administração com especialização em Marketing pela ESPM, já trabalhou em uma das maiores construtoras do país e hoje está à frente da Mikail Arquitetura e Engenharia. Interessado por tecnologia, iGadgets e nas horas vagas curte viagens, música e fotografia. Segue lá no Instagram @eduardomikail

mais
Engenharia 360 Engenharia 360

VEJA TAMBÉM

6 Resultados
UFRJ apresenta protótipo de ventilador pulmonar para ser produzido em larga escala na luta contra o coronavírus
Podcast 360, o podcast do Engenharia 360 está no ar!
O que é e quais as funções do CREA? | Entrevista 360 com o presidente do CREA-SP, Vinicius Marchese
5 séries de animação com temática nerd para assistir na Netflix | Lista 360
Cientistas brasileiros estão desenvolvendo testes  rápidos para detectar coronavírus
5 jogos de simulador clássicos e gratuitos que envolvem habilidades de engenharia | Lista 360
Podcast 360
Ouça ou baixe podcasts
exclusivos da engenharia
Ver Todos

RECOMENDAMOS PARA VOCÊ