Engenharia 360

ESCOLHA A ENGENHARIA
DO SEU INTERESSE

Digite sua Busca

BDE Explica: O que é MDE e para que serve?

Engenharia 360

2 min

POR Müller Santos 21/08/2015

É notório desde os tempos das Grandes Navegações que a Terra não é plana. Também é de senso comum que ela não é tão esférica assim, devido a sua gravidade. Se você já estudou Geomática (ou alguma matéria similar, pois pode variar o nome dependendo da instituição) já sabe sobre o que vamos abordar. Mas se não conhece ou nunca ouviu falar vale dedicar um pouco de atenção para o Modelo Digital de Elevação.

mde-blog-da-engenharia

Imagem: tankonyvtar

+ Mas o que realmete é?

É uma representação matemática do terreno onde são levantados pontos criando uma impressão de terceira dimensão. Diferente do Geóide que é amplo e abrange (teoricamente) toda a superfície da Terra, o MDE é em menor escala e representa somente parte da superfície terrestre. A vantagem de ser menor representado é o alcance e a altíssima precisão em coordenadas planialtimétricas (x, y, z).

+ E como ele é gerado?

Existem algumas formas para sua elaboração:

  • Radar de abertura sintética (do inglês SAR): Com um sensor acoplado a uma aeronave, esta realiza a varredura da área a ser imageada identificando suas coordenadas planimétricas e altimétricas. Bem próximo a ideia de um sonar submarino.
  • Coleta de pontos: Com a utilização de um aparelho de GPS geodésico ou Estação Total, é realizado o levantamento de uma nuvem de pontos e com esta é obtido de forma similar suas coordenadas.
  • Fotogrametria: De forma equivalente ao radar (SAR), a fotogrametria utiliza sensores aerotransportados por satélites orbitais ou geoestacionários e até drones. Câmeras fotografam o terreno com pequenas distâncias e ângulos diferentes podendo assim gerar estereoscopia ( duas imagens em 2D em posições diferentes, geram uma imagem em 3D). Depois de submeterem a alguns processos, é gerado o modelo.
  • Shuttle Radar Topography Mission (SRTM): Informações obtidas da NASA sobre toda a superfície terrestre em MDE. Sua desvantagem é a resolução espacial de 30 metros que quer dizer que não é possível distinguir “objetos” menores que essa medida.
  • Light Detection and Ranging (LIDAR): Equipamento que emite e capta pulsos de luz, em forma de laser criando uma nuvem de pontos.É capaz de reproduzir o terreno, qualquer acidente geográfico e até mesmo construções caso necessário.
Imagem-blog-da-engenharia

Imagem: Exelisvis / Comparativo MDE x Imagem digital

+Onde é comumente aplicado?

Qualquer tipo de avaliação de uma área pode necessitar de um MDE. Engenheiros civis, agrimensores, petróleo e gás, florestais e de transportes necessitam ter conhecimento do produto.
Avaliações como locação  e manutenção de projetos de estradas, gasodutos, linhas de transmissão, mineração, barragens,  arqueologia e geologia.  Utilizado para corte, aterro e enchimento de cotas. Todo tipo de informação que não seja possível a visualização em 2D do terreno (ou que com 3D facilite muito o trabalho de interpretação) sem falar de todo o trabalho envolvido com a cartografia.
E aí? Gostou da série “BDE explica” dessa semana? Compartilhe!
 

laser
lidar
MDE
modelo digital
radar
representação
SAR

Müller Santos

mais
Imagem padrão usuário Engenharia 360

VEJA TAMBÉM

6 Resultados
Saiba como medir a capacidade produtiva
Volkswagen lança seu novo modelo CUV, o Nivus
Lançamento da primeira missão tripulada da SpaceX em parceria com a NASA é adiado por mau tempo
Conheça a cidade de Seattle nos Estados Unidos
3 programas para visualização de todos os seus aplicativos sociais em um só lugar | Lista 360
Fujisawa SST: Conheça a cidade inteligente e sustentável do Japão
Podcast 360

Ouça ou baixe podcasts exclusivos da engenharia

Ver Todos

RECOMENDAMOS PARA VOCÊ