Engenharia 360

ESCOLHA A ENGENHARIA
DO SEU INTERESSE

Digite sua Busca

BDE Explica: O que é Engenharia de Custos?

por Iuri Zambotto | 31/07/2015
Copiado!

A Engenharia Econômica é um dos ramos da Engenharia de Produção, e segundo a Associação Brasileira de Engenharia de Produção (ABEPRO), é a formulação, estimação e avaliação de resultados econômicos para avaliar alternativas para a tomada de decisão, consistindo em um conjunto de técnicas matemáticas que simplificam a comparação econômica.

Dentro da Engenharia Econômica ainda existem outras quatro divisões, sendo uma deles a Engenharia de Custos, que é voltado para os custos adotados em uma obra ou em um serviço, e consiste não somente na elaboração de orçamentos de forma minuciosa, mas também prevê distintas metodologias, fundamentalmente estimativas de estudos, formação do preço por tabelas de custo padrão e formação do preço por modelagem, cada uma delas com adequação aos graus de precisão do resultado, que se pretende alcançar e à complexidade da obra ou serviço, cujo custo se deseja estimar.

Financial accounting

Financial accounting

Principais conceitos

+ Custo total

Este é a soma de todos custos (diretos e indiretos), evidentemente, como uma empresa sempre visa o lucro, ele também está incluso nessa somatória, assim temos:

Custo total = Custo direto + Custo indireto + Lucro.

+ Lucro

É o retorno positivo de um investimento.

+ Custo direto

É todo custo (material, mão de obra, equipamento) diretamente associado com o serviço que está sendo orçado, ou seja, o custo dos insumos que entram na execução do referido serviço. Assim, por exemplo, no custo da fôrma incluem-se carpinteiro, ajudante, os diversos tipos de madeira e pregos.

+ Custo indireto

São os custos que o orçamentista não consegue atribuir diretamente ao serviço. Exemplo: contas de energia e água e os salários.

+ Benefícios e Despesas Indiretas (BDI)

É a parcela de custo que agregada ao custo direto de um empreendimento, obra ou serviço, devidamente orçado, permite apurar o seu custo total. Objetiva suportar os custos que, embora não-diretamente incorridos na composição do binômio “material x elementos operativos sobre o material (tradicionalmente denominado apenas mão-de-obra), todavia incorrem também na composição geral do custo total.

custos2

Este é o primeiro capítulo da série “BDE explica”: O que é Engenharia de Custos?

Acompanhe nosso blog e aprenda mais, em breve, com os novos capítulos.

Copiado!

Matérias Relacionadas

Comentários